quarta-feira, julho 08, 2009

Ouvimos dizer das festas dos Santos Populares

"Foi muito engraçado, veio muita gente e haviam sardinhas, febras e muitos doces. Gostei muito de ver as crianças saltarem à fogueira e a venderem manjericos para a tradição não acabar. Houve dois meninos que escreveram quadras sobre os Santos Populares e expuseram-nos para as pessoas verem. Lembro-me desta:
Ponte de Lousa dos belos ares
De saloios e lavadeiras
Que pelos Santos Populares
Esqueciam suas canseiras."

Ermelinda Soares, Ponte de Lousa

“Este é o quarto ano que fazemos e está cada vez melhor, apesar de sabermos que ainda temos que melhorar. Estas actividades não devem acabar, as pessoas estão a ter conhecimento e a gostar, ficam já à espera que se realize todos os anos. É muito confortante! Nos prédios as pessoas não se dão, aqui convivem.”

Maria José Carvalho, Marzagão

“O encontro das pessoas é muito bom. Era bom haver mais encontros para nos reunirmos todos, faz muita falta conviver. E claro, contribuímos também para as obras que são precisas na igreja.”

Antonieta Azevedo, Mealhada

“Acho bem festejar os Santos Populares! Devia haver mais convívio entre as pessoas, é bom para criar uma maior aproximação.”

Maria Cremilde Gato, Bairro da Milharada

“Estas festas são muito importantes, aqui as pessoas estão muito sozinhas, é uma altura em que se sentem mais acompanhadas. Achei muito bem, não posso dizer melhor.”

Elvira Luis, Fanqueiro

Sem comentários: